Entidade

A Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas (SBCPD) reúne associados ligados às atividades de ensino, pesquisa e extensão desde informações e serviços em fitotecnia e fitossanidade, à comercialização e registro de produtos químicos, economia e “marketing”, saúde pública, ecologia, genética, tecnologia e várias outras áreas relacionadas a este campo da ciência. A grande diversidade de áreas, a ampla interseção e a forte interação entre elas, denota a abrangência e a complexidade das suas inter-relações.

Os herbicidas representam mais da metade do total de agroquímicos comercializados no Brasil, caracterizado por um volume financeiro superior à 3 bilhões. O uso racional dos herbicidas evita que ocorram perdas significativas, de 5 a 90%, na produção das principais culturas, em função da interferência imposta pelas plantas daninhas.

No entanto, apesar da expressividade técnico-científica e econômica, a Ciência das Plantas Daninhas, historicamente, não é aquinhoada por substancial número de profissionais atuando em áreas básicas, sobretudo nas instituições públicas de ensino, pesquisa e extensão. Nos departamentos ou divisões administrativas, sempre há uma expressiva maioria de profissionais atuando em entomologia e fitopatologia, comparado à matologia. Possivelmente isto se deva a menor idade deste ramo da ciência.

Face ao exposto, é imperioso que a SBCPD e seus associados trabalhem focados no intuito de se construir uma maior representatividade junto às comissões e órgãos públicos e privados, responsáveis pelas decisões mais importantes a nível nacional, além de visar-se a um grande reconhecimento internacional.

Faz-se necessário que todos, Diretoria e Associados, empenhem-se junto às faculdades de Agronomia, fazendo-as ver a necessidade de adicionar o ensino da biologia e manejo das plantas daninhas na grade de formação dos seus profissionais.

Neste sentido, a página da SBCPD que passa, definitivamente, ao domínio dos associados, pode tornar-se importante ponto de referência para troca de informações com a administração. O abastecimento a ser feito, dinamicamente, no referido site, é uma tarefa a ser assumida por todos que almejam o engrandecimento desta área da ciência como um todo e de seus profissionais, em particular.

DIRETORIA – BIÊNIO 2016/2018

Administração

  • Presidente– Patricia Andrea Monquero
  • 1ª Vice-Presidente– Camila Ferreira Pinho
  • 2º Vice-Presidente– Rubem Silvério de Oliveira Junior
  • 1º Secretário– Fernando Storniolo Adegas
  • 2ª Secretária– Telma Passini
  • 1º Tesoureiro– Marcelo Nicolai
  • 2º Tesoureiro– Luis A. Avila

 

Conselho consultivo

  • Conselho Consultivo– Pedro Jacob Christoffoleti
  • Conselho Consultivo– Robinson Antonio Pitelli
  • Conselho Consultivo– Benedito Noedi Rodrigues
  • Conselho Consultivo– Décio Karam
  • Conselho Consultivo– Julio Cesar Durigam
  • Conselho Consultivo– Robert Deuber
  • Conselho Consultivo– João Baptista da Silva

 

Conselho fiscal

  • Conselho Fiscal– Caio Antonio Carbonari
  • Conselho Fiscal– Saul Jorge P. de Carvalho
  • Conselho Fiscal– Fernanda Satie Ikeda

 

Suplentes do Conselho Fiscal

  • Suplente– Carlos Alberto Mathias Azania
  • Suplente– Marcos Antonio Kuva

 

Representantes Regionais

  • Representante Regional – Norte– Rafael Gomes Viana
  • Representante Regional – Sul– Mauro Rizzardi
  • Representante Regional – Centro Oeste– Miriam H. Inoue
  • Representante Regional – Sudeste– Evander Ferreira
  • Representante Regional – Nordeste– Daniel Valadão

Revistas

  • Planta Daninha– Leonardo D’Antonino, Antonio Alberto da Silva
  • Revista Brasileira de Herbicidas– Daniel Valadão Silva

Boletims

  • Boletim Informativo– Edinalvo Rabaioli Camargo